Madeiras

Como Prevenir e Tratar o Caruncho

Caruncho, Capricórnio, Térmita da madeira seca, Térmita subterrânea, são nomes dos insetos que perfuram sobretudo as madeiras, reduzindo-a a pó. Estes insetos também são conhecidos...

Tratar e Prevenir o Caruncho

Como Prevenir e Tratar o Caruncho

Caruncho, Capricórnio, Térmita da madeira seca, Térmita subterrânea, são nomes dos insetos que perfuram sobretudo as madeiras, reduzindo-a a pó. Estes insetos também são conhecidos por xilófagos e são uma enorme ameaça para as madeiras das nossas casas.

Vários Carunchos
O “bicho da madeira” é a expressão genérica usada para um certo número de insetos xilófagos que atacam quer as “Madeiras Duras” quer as “Madeiras Moles”.

O ataque mais vulgar por um insecto xilófago é o do caruncho, que averba cerca de 75 % das infestações em edificações.

Saiba um pouco mais sobre estes insectos

Caruncho (Anobium punctatum)

Anobium punctatum
Possuem o tórax arqueado e o corpo quase cilíndrico, o tórax forma uma espécie de protórax onde está situada a cabeça que se encontra quase escondida. Os adultos possuem asas, sendo este o seu meio de propagação. As larvas são curvadas, com rugas e pelos finos, são brancas e a sua parte traseira é mais grossa.

As larvas ainda muito pequenas começam a escavar um túnel para o interior da madeira. O tempo de desenvolvimento das larvas é de 2-3 anos ou mais, dependendo da humidade, da temperatura e do tipo de madeira. Nos túneis de 1-2 mm de secção circular as larvas vão deixando os excrementos em forma de bolas pequenas, misturadas com partículas não digeridas da madeira, dando lugar a um tipo característico de serradura granulada que enche todo o túnel. A quantidade de água na madeira é um fator importante para o bom desenvolvimento da larva, uma vez que necessitam que a madeira esteja humedecida; inclusivamente se houver fungos presentes, aumenta a velocidade de desenvolvimento desta, por estes constituírem uma fonte de proteínas adicionadas à celulose da madeira.

Capricórnio (Hylotrupes bajulus)

Capricornio
Este inseto possui antenas, tem uma cor escura quase preta, o corpo está coberto de pelos de cor clara e possuem asas que constituem o seu melhor meio de propagação. As larvas são de cor branca pálida e possuem duas mandíbulas retas e escuras.

Os ovos postos pela fêmea eclosionam após duas semanas, introduzindo-se na madeira e alimentam-se do borne, sendo capazes de realizar a digestão da celulose e acelerando o seu desenvolvimento se a madeira estiver infestada por fungos. A larva quando está a roer emite um barulho característico.

Formam túneis ou galerias que estão cheios de serradura de cor amarela, sendo a saída dos túneis para o exterior em forma de ovo e com os rebordos ligeiramente gastos. Junto à serradura podem-se observar as fezes cilíndricas muito características do capricórnio.

Térmita da madeira seca (Cryptotermes brevis)

Cryptotermes brevis
Estas térmitas geralmente vivem (alimentam-se e fazem o ninho) na madeira sã com baixo teor de humidade. Não é necessário terem qualquer contacto com o solo para poderem viver, e assim podem destruir seriamente os objetos de madeira ainda que estes tenham mobilidade como é o caso dos móveis.

Um macho e uma fêmea introduzem-se na madeira que escolheram como ninho, selando a entrada com um tampão. Por detrás deste tampão escavam uma câmara onde a rainha põem os primeiros ovos. As ninfas que saem desses ovos fazem o trabalho da colónia, convertendo-se posteriormente em soldados e reprodutores. Não existe uma casta de obreiras distinta como apresentam as térmitas subterrâneas.
Durante a época de enxameação, as ninfas fazem furos redondos através dos quais as reprodutoras saem da madeira, e quando termina a saída, os furos são tapados da mesma forma que o da entrada inicial.

Estas térmitas provocam prejuízos grandes, uma vez que escavam grandes câmaras que conectam entre si por meio de túneis pequenos. As câmaras e túneis são mantidos limpos, pois os excrementos e outros resíduos são armazenados em câmaras que não são usadas ou são deitados para o exterior por pequenas aberturas na madeira.

Os peletes ou cápsulas de excreção são uma característica distinta desta térmita. Estes peletes são duros e têm seis superfícies côncavas laterais (apenas as pontas são redondas).

A entrada destas térmitas na madeira é feita usualmente através de gretas ou aberturas na madeira por onde podem introduzir-se antes de perfurar a madeira.

Como podem viver na madeira sem contacto com o solo, estas térmitas são muitas vezes transportadas para outras áreas em móveis infestados e outros objetos de madeira. A térmita da madeira seca pode atacar qualquer produto de madeira, como estruturas, mobiliário e outros.

Térmita subterrânea (Reticulitermes lucifugus)

Termita subterranea
As térmitas desenvolvem-se mediante uma metamorfose gradual, passando pelas etapas de ovo, produzido pelas castas reprodutoras primárias ou secundárias, até vários estádios ninfais através de múltiplas mudas que se diferenciam finalmente nas diferentes castas. Existem quatro castas diferentes procedentes do desenvolvimento ninfal, estas são: obreiras, soldados, castas reprodutoras primárias (com asas) e castas reprodutoras suplementares. O aparelho digestivo das térmitas está desenvolvido a tal ponto que as suas células digestivas são capazes de degradar a celulose contida na madeira para fazer com que esta seja digerível.

São insetos sociáveis, existindo divisões marcadas de classes sociais conhecidas como castas. Quase todas elas mantém dentro destas divisões, soldados e reprodutores; no entanto em algumas sociedades existem castas de obreiras, embora na generalidade as funções das obreiras (formação do ninho, procura de alimento e alimentação dos soldados e reprodutores) são realizados pelas ninfas. Inclusivamente, nas espécies que apresentam como casta a obreira, as ninfas mais evoluídas realizam trabalho como obreiras.

As obreiras e as ninfas das térmitas subterrâneas fazem grande quantidade do trabalho da colónia, sendo as que produzem os maiores prejuízos para as construções, uma vez que ao também terem as funções de ampliar o ninho e criar túneis acessórios, é necessário que mastiguem a madeira provocando então os tais prejuízos económicos consideráveis.

A casta dos soldados está encarregada de defender a colónia contra os inimigos naturais. Não são capazes de se alimentar de madeira, pelo que, conjuntamente com as castas reprodutoras, são alimentados pelas obreiras. Assim como a casta dos reprodutores, esta casta é cega.

As castas reprodutoras possuem asas e durante certas épocas do ano, emergem da colónia em voos colonizadores. Durante o voo nupcial, um macho (rei) e uma fêmea (rainha) formam par, eliminam as asas e constituem uma pequena câmara no solo. Posteriormente acasalam, a fêmea colocará ovos e criam a primeira geração de obreiras. No caso de não se dar este tipo de casta reprodutora primária, pelas mais diversas razões, irá desenvolver-se em maior número uma segunda e, em certas ocasiões, uma terceira casta reprodutora, a qual não é pigmentada e as asas não serão funcionais.

É importante saber que cada colónia se comporta como individual e independente.

BarrotesTecto
O caruncho afeta principalmente as madeiras estruturais, como por exemplo as madeiras dos telhados, escadas, soalhos, traves e partes desprotegidas da mobília, como as bases das gavetas e a parte de trás dos armários. Também ataca o contraplacado de madeira e a verga.

É possível conseguir-se a remoção do caruncho da mobília e os surtos localizados em madeiras estruturais com um produto próprio de tratamento anti-caruncho, mas, se a madeira já estiver num estado de desagregação, a única solução é remover e substituir as partes afetadas.

Furos Madeira

O Produto

Existem produtos erradicadores de Caruncho para madeiras, também chamados de imunizadores, concebidos para penetrar profundamente na madeira, matando os insetos ativos e protegendo-a contra novas infestações. Estes produtos normalmente são compostos por produtos químicos. Têm excelentes propriedades inseticidas e podem ser aplicados em madeiras no interior e no exterior.

A Aplicação

Os produtos para tratar as madeiras que estão infestadas podem, regra geral, serem aplicados de três formas: Trincha, imersão ou injeção.
Aplicar Produto Caruncho

Aplicação: Trincha – Imersão – Injeção

Trincha

Aplicar entre 2 e 3 demãos fartas, não se deve deixar secar completamente entre demãos. A aplicação à trincha não deve fazer-se quando a superfície da madeira está pintada envernizada ou encerada por não ser eficiente;.

Imersão

Deve-se fazer a imersão completa por 5 a 10 minutos. A madeira deve estar serrada ou já aparelhada.

Injecção

Deve-se injetar o produto nos orifícios feitos pelo caruncho.

Dicas e Sugestões

  • O produto para tratamento de caruncho não penetra em superfícies polidas, por isso trate as fendas com um spray ou com um aplicador próprio.;
  • As perfurações encontram-se sempre ligadas por uma série de túneis, por isso poderá aplicar o produto de 75mm em 75mm;
  • Contrate um profissional para lidar com uma infestação em grande escala ou caso tenha comprometido a robustez das madeiras estruturais;
  • Proteja a madeira que não está pintada com inseticida, por exemplo as extremidades superiores e inferiores das portas;
  • Antes de comprar uma mobília em segunda-mão deve fazer uma inspeção, e tratá-la com um produto anti-caruncho antes de a levar para casa, quer esta mostre ou não sinais de infestação;
  • Qualquer furo, corte, etc., feitos em madeiras já tratadas, devem ser novamente tratadas com o produto para manter a máxima proteção;
  • O acabamento das madeiras com verniz ou esmalte, só deve ser feito passados 3 a 5 dias após o tratamento.

No mercado português existe à venda bastantes produtos para o tratamento e prevenção destas pragas, veja abaixo alguns desses produtos;

Produtos Recomendados
Marca Nome Finalidade Base Cheiro FT
Bondex Xylophene SOR2 Preventivo e Curativo Solvente Sim
Cuprinol Cuprinol Imunizante Preventivo Solvente Sim
Cuprinol Cuprinol Erradicador Aqua Curativo Aquoso Sim
Barbot Tratamento de Madeira S/Cheiro Curativo Solvente Não
Barbot Imunizador Para Madeiras Preventivo Solvente Sim
Titan Titanxyl Mata Caruncho Plus Preventivo Solvente Sim
Xylazel Fondo Tratamento Protetor Preventivo e Curativo Solvente Sim
Xylazel Anti-Carunchos Preventivo e Curativo Solvente Não
Xylofene S.O.R. 40 Profissional Preventivo e Curativo Solvente Sim
Xylofene M200 Profissional Preventivo e Curativo Aquoso Não
Outras Opções
BASF Termidor 25 EC Preventivo e Curativo Solvente Sim
Janssen Farmaceutical Wocosen 12 OL Preventivo e Curativo Solvente Sim

Foram realizados testes laboratoriais, na Universidade dos Açores, sobre a eficácia de diferentes inseticidas no combate à Cryptotermes brevis, leia as conclusões aqui;

Ainda tem alguma dúvida?

Depois de ler o nosso artigo, se ainda ficou com alguma dúvida, consulte a nossa “Base do Conhecimento”. Nessa página encontrará resposta para as questões mais frequentes.

Base do Conhecimento

19 comentários

  1. Frederico Cavém
    Frederico Cavém
    9 Agosto, 2018 at 16:01

    Quero construir uma casa em madeira na Ilha São Miguel e uns garantem-me que a madeira Criptoméria é anti caruncho / ou anti térmitas mas há quem diga que o Pinho Nórdico é que é bom para evitar esses insetos. Que me dizem? Eu estou muito inclinado para construir em madeira criptoméria mas aguardo a v/ opinião.
    Muito obrigado.

    Reply
  2. Fernanda
    Fernanda
    11 Julho, 2018 at 16:58

    Boa tarde,
    Mudei para uma casa, que só depois da mudança reparei q os tacos estão com carruncho. Tenho receio que a praga passe para os móveis, e depois quando mudar de casa novamente leve comigo estes insectos. Alguns são aglomerados e contraplacados, com verniz. Existe algo que se possa por como repelente ou protector?
    Obrigada

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      11 Julho, 2018 at 17:20

      Olá Fernanda,

      Sim, será isso que irá acontecer. Aconselho que substitua o chão de tacos por outro, por exemplo soalho flutuante, mas retire o antigo, não deixe ficar nada, incluindo rodapés. tenha atenção também às portas e janelas se forem de madeira. Possivelmente sairá mais barato substituir o chão de que o tratar todo, e corre menos riscos de voltar a ter um infestação de caruncho.

      Melhores cumprimentos e disponha sempre.

      Carlos Santana
      Tintas e Pintura

      Reply
  3. filomena goncalves
    filomena goncalves
    11 Julho, 2018 at 09:45

    Ola eu tenho a minha casa enfestada tanto que ja sobem pela parede e tenho um bebe de um ano que gosta Mt de gatenhar sera que esses produtos podem ser toxicos para ele pois irei ter que por no Chao que e de madeira

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      11 Julho, 2018 at 17:16

      Olá Filomena,

      Todos os produtos utilizados para desinfestações tem um grau de toxicidade, o qual tem tendência a desaparecer com o tempo, assim, aconselho que após aplicação destes produtos e durante algum tempo não deve deixar a bebe andar no chão.
      Se tem uma grande infestação, um tratamento deste tipo não é o ideal, pois não irá conseguir matar todos os bichos e colónias existentes. Além disso iria gastar uma quantidade de produto muito grande, o que se tornaria muito dispendiosos e trabalhoso. Nos casos mais difíceis deve-se contratar uma empresa especialista em desinfestações. Também pode ser melhor substituir a madeira infestada e velha por nova.

      Melhores cumprimentos e disponha sempre.

      Carlos Santana
      Tintas e Pintura

      Reply
  4. João Eduardo dos Santos Dias
    João Eduardo dos Santos Dias
    14 Outubro, 2017 at 09:46

    Excelente post! Parabéns!
    Gostaria de perguntar sobre a eficácia do Protema, das Tintas Triunfante. Tem alguma informação?

    Reply
  5. Susana
    Susana
    13 Março, 2017 at 21:16

    Boa tarde. Tenho uma cama de bebe que queria restaurar, mas apercebi-me que esta cheia de buraquinhos do bicho da madeira e ainda tem po. Sera que tenho de atirar com a cama ( visto que vai estar em contacto com um bebe) ou posso tratar?

    Reply
  6. ctiaa
    ctiaa
    12 Julho, 2016 at 12:10

    Moro num prédio num bairro antigo de Lisboa e a porta da rua está com bicho porque oiço-o a roer. Mas não vejo buracos ou então não sei o que procurar. Não sei como devo tratar este problema, pois tenho um gato e não queria usar produtos químicos que o prejudicassem. Será necessário pedir ao senhorio a substituição da porta?

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      12 Julho, 2016 at 16:50

      Boa tarde Catia,

      No artigo acima explicamos como proceder para tratar as madeiras que estão atacadas pelo bicho do caruncho. Pode utilizar produtos aquosos que são mais naturais e não tóxicos.

      Melhores cumprimentos,

      Carlos Santana
      Tintas e Pintura

      Reply
  7. José Costa
    José Costa
    2 Junho, 2016 at 21:16

    Boa tarde! Herdei a casa dos meus avós no Alentejo. Estou a recupera-la. Os tectos das divisões são todos de madeira, barrotes com tábuas atravessadas, por aqui chama-se “salto de rato”. Acontece que os barrotes e as madres estão um pouco picados do bicho, não percebo é se o bicho ainda lá está ou não. Mas como não quero mexer na madeira, gostaria de saber que produto posso usar para dar uma aguada para as madeiras ficarem mais escuras e ao mesmo tempo “matar” o bicho. Muito obrigado pela atenção.

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      3 Junho, 2016 at 19:49

      Boa tarde José Costa,

      Tratar as madeiras que já estejam contaminadas ou como prevenção, é um trabalho realizado com um produto especifico, como pode ler no artigo acima. Já dar cor às madeiras é um processo que tem que ser feito depois do tratamento, e para esse trabalho pode usar verniz ou lasur, conforme o aspeto que deseja. Pode ler aqui no nosso site vários artigos sobre o assunto.

      – PROTEGER E CUIDAR DAS MADEIRAS; https://tintasepintura.pt/proteger-e-cuidar-de-madeiras/
      – DIFERENÇA ENTRE VERNIZ E LASUR; https://tintasepintura.pt/diferenca-entre-verniz-e-velatura-lasur/

      Melhores cumprimentos,

      Carlos Santana
      Tintas e Pintura

      Reply
  8. C Adriano
    C Adriano
    5 Maio, 2016 at 09:42

    Ola, me ajudem com uma duvida que eu tenho por favor, eu quero fazer uma casa de madeira (pinho) ,tudo novo, exista algum produto que eu posa por contra o bicho e ficar descansado , ou sempre mais cedo ou mais tarde vou ter problemas? Agradeço a disponibilidade e desculpa os erros não sou português. Abraço

    Reply
  9. PATRICIA
    PATRICIA
    1 Março, 2016 at 16:15

    Boa tarde,
    A minha casa foi recuperado a uns anos e agora descobri térmitas brancas em diferentes locais. Todo o pavimento é soalho pinho e apesar de injectar produtos para as matar, a superfície é tão grande que elas vão se deslocando. Gostava de saber se é possível levantar o chão todo, fazer um tratamento a Madeira e voltar a assenta lo… E que tivesse a garantia de não voltarem a entrar nele. Obrigada.

    Reply
  10. Dina Moniz
    Dina Moniz
    24 Fevereiro, 2016 at 14:27

    Boa tarde.
    Tenho um chão de taquinhos pequenos de madeira (não sei agora o nome) com uns furinhos, não muitos mas em alguns cantos não todos do quarto. Vou pôr por cima soalho flutuante, é necessário fazer o tratamento?E posso fazer só nas zonas que tem os furos ou tenho que fazer no chão todo?
    obrigado

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      24 Fevereiro, 2016 at 15:49

      Boa tarde Dina Moniz,

      O seu chão deve ser de parquet antigo, muito utilizado à alguns anos atrás.
      Para evitar que o problema possa aumentar e com o tempo o chão ficar todo deteriorado, deve proceder ao tratamento dos tacos que já estão atacados, conforme explico no artigo acima.

      Sempre ao dispor.

      Carlos Santana
      Tintas e Pintura

      Reply
Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

Cores Favoritas

As minhas cores favoritas

      Ainda não adicionou nenhuma cor à sua lista de favoritos!