Dicas

Como Reabilitar Telhados

Os telhados embora tenham uma enorme durabilidade e resistência, precisam de uma manutenção adequada com alguma frequência, para se manterem em bom estado e por consequência não pe...

pintar e tratar telhados

Como Reabilitar Telhados

Os telhados embora tenham uma enorme durabilidade e resistência, precisam de uma manutenção adequada com alguma frequência, para se manterem em bom estado e por consequência não permitirem infiltrações que possam causar danos no interior da habitação.

É esta manutenção, quando adequadamente feita, que irá permitir que desempenhem a sua função de forma duradoura e eficaz.

A maioria das anomalias registadas em telhados e coberturas estão associadas a infiltrações de água cuja origem pode estar em fissuras, na porosidade da telha ou na ligação entre os diferentes materiais que compõem estas estruturas.

A reabilitação a ser feita num telhados depende da origem das anomalias e também do acabamento que se pretende obter. As fissuras devem ser seladas e a diminuição da permeabilidade pode ser efetuada através de impregnações ou revestimentos de proteção.

Tipos de Telhas

REABILITAÇÃO DE TELHADOS

Escusado será dizer que para se fazer uma reabilitação de um telhado, o grau de deterioração das telhas não deve ser muito elevado. Nesse caso deverá proceder à substituição das telhas demasiado danificadas ou mesmo do telhado completo.

Veja o que se deverá fazer para uma reabilitação eficaz e duradoura;

Preparação da Superfície
lavar_telhado Deve começar por limpar todo o telhado com o auxílio de uma escova e jato de água de modo a retirar toda a sujidade e o material não aderente. Não se aconselha que proceda a esta limpeza apenas com água. Pode usar um produto apropriado para lavagem de telhados, como o Limpa Telhados ou semelhante.
aplicar-desinfectante Caso existam algas e/ou líquenes deve-se proceder à escovagem de toda a superfície com escova de aço e aplicar um desinfetante apropriado, na superfície a tratar, como o Descontaminante Artibiose ou semelhante, com pulverizador, pistola de baixa pressão ou pincel de caiar, e deixar secar. Proceda conforme indicado pela marca do produto que utilizar.
Selar as juntas e fissuras Selar as juntas e fissuras que possam existir. Pode utilizar uma cinta de impermeabilização auto-adesivas, como o MultiSeal ou um selante para reparações como o Sikacryl®. Se as telhas vão ser revestidas com um revestimento elástico, não é necessário selar as pequenas fissuras, uma vez que a própria tinta fará esse trabalho. Neste caso, em algumas situações, pode ser aplicado uma rede de fibra de vidro para reforçar as telhas nessas zonas.
Casos Especiais
Telhas-Pulverulentas

Telhados com Telhas Pulverulentas ou Desagregadas

Se existir alguma desagregação do material, mas que não seja muito elevado, poderá ser necessário aplicar uma demão de um Primário Selante e Aglutinador de superfícies, como o Cinolite ou semelhante, e deixar secar antes de aplicar a tinta de acabamento. Proceda conforme indicado pela marca do produto que utilizar.

Telha-Hidrofugada

Telhados com Telha Hidrofugada

Não se recomenda a aplicação de tintas ou outros produtos sobre telhas hidrofugadas sem se efetuar um ensaio prévio do estado das telhas. Para isso faça o seguinte teste:

Verta um pouco de água sobre as telhas e verifique se esta é absorvida ou permanece em gotícula.

  • No caso da água ser absorvida significa que pode proceder à aplicação do esquema de pintura.
  • No caso da água permanecer em gotícula significa que deverá ser feito um ensaio prévio ao esquema de pintura, para verificar a aderência dos produtos.
  • Só deverá proceder-se à aplicação do esquema de pintura, se nesse ensaio, obter uma boa aderência da tinta.

Existem vários tipos de produtos diferentes para se tratar/pintar telhas; tintas plásticas, impermeabilizantes, hidrofugantes, etc., vejamos alguns desses produtos mais comuns;

Exemplo Telhado Antes/Depois

Dicas e Conselhos
  • Se vai pintar o seu telhado tenha muita atenção, este é um trabalho que pode ser bastante perigoso, e uma queda pode ser fatal;
  • Evite caminhar sobre um telhado molhado, pode escorregar e cair;
  • Evite fazer este trabalho sozinho, peça a alguém que o possa ajudar;
  • Se não se sente em segurança, contacte uma empresa especializada;

Ainda tem alguma dúvida?

Depois de ler o nosso artigo, se ainda ficou com alguma dúvida, consulte a nossa “Base do Conhecimento”. Nessa página encontrará resposta para as questões mais frequentes.

Base do Conhecimento

4 comentários

  1. miguel fernandes
    miguel fernandes
    14 Junho, 2020 at 16:09

    Boa tarde,
    No caso de superficíes exteriores cobertas com azulejos como isolar? Tenho algumas no meu prédio e gostaria de aplicar alguma tipo de protecção/película que garantisse a impermiabilização deles já que têm perto de 15 anos expostos aos elementos…

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      16 Junho, 2020 at 17:12

      Olá Miguel,

      Não existe uma forma fácil de fazer isso. Existem dois problemas, o primeiro é os azulejos serem vidrados e o segundo problema são as juntas. Normalmente a humidade entra pelas juntas, que vão abrindo rachas. A solução é aplicar uma argamassa para juntas impermeável. Este trabalho deve ser feito por um profissional qualificado.

      Obrigado
      Tintas e Pintura

      Reply
  2. Renato Cruz
    Renato Cruz
    13 Abril, 2020 at 03:15

    Bom dia ..
    Tenho uma dúvida..
    O hidrofugante deve ser começado a dar de baixo para cima ou cima para baixo
    Obrigado

    Reply
    • Tintas e Pintura
      Tintas e Pintura • Post Author •
      13 Abril, 2020 at 15:51

      Boa tarde Ranato,

      Refere-se a se deve começar a aplicar do topo do telhado para baixo, é isso? Pode aplicar o hidrofugante de cima para baixo desde que respeite as indicações técnica.
      A aplicação pode variar um pouco de produto para produto, mas como exemplo veja como proceder com o produto Hidro HB Coberturas:
      Substrato: Telhas, tijoleira, ardósia e fibrocimento.
      Processo de aplicação: Trincha, rolo ou pulverizador.
      Os suportes devem ser porosos, apresentar-se bem aderentes, sãos, secos e limpos. Lixar, escovar e retirar poeiras ou outros contaminantes. Eliminar algas, musgos e bolores com um Descontaminante, por exemplo Artibiose. Deve proteger-se os vidros antes do tratamento.
      Aplicar Hidro WB Coberturas numa só camada até saturação do suporte, sem deixar escorrer sobre as superfícies já tratadas. Evitar aplicar camadas espessas para que os materiais não fiquem esbranquiçados. Em caso de dúvida, fazer um ensaio de compatibilidade com o suporte.

      Disponha sempre.
      Tintas e Pintura

      Reply
Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

Cores Favoritas

As minhas cores favoritas

      Ainda não adicionou nenhuma cor à sua lista de favoritos!