Cores

Diga-nos como é a sua casa e dizemos-lhe de que cor precisa.

A CIN dá-lhe o que necessita para obter a cor certa para a sua casa.

Diga-nos como é a sua casa e dizemos-lhe de que cor precisa.

A CIN dá-lhe o que necessita para obter a cor certa para a sua casa.

Quando chega a hora de decidir de que cor pintar a casa, a vasta oferta de tonalidades pode ser avassaladora. Ainda que por vezes tenhamos a certeza do caminho a seguir, por outras é difícil descobri-lo. Será o branco uma aposta demasiado segura? Será demasiado arriscado optar por uma cor mais vibrante?

É por isso que a CIN, empresa portuguesa e líder ibérica no mercado de tintas e vernizes, lhe dá algumas dicas para que possa encontrar a cor que melhor se adapta à sua casa. Antes de mais, é importante ter em conta que a cor é um elemento decorativo que oferece a possibilidade de definir a personalidade do lar. Ajuda ainda a criar, transformar e renovar ambientes, a separar espaços e a realçar o estilo decorativo de cada divisão. Qual é o nosso verdadeiro objectivo?

Quando se trata de divisões pequenas, o branco é sem dúvida a cor por excelência, permitindo ampliá-las visualmente. Contudo, não é a única opção: cinzentos, beges ou baunilhas são igualmente eficazes. Poderá encontrar várias opções na colecção Neutral Revelation do catálogo de Tendências da CIN. Também os laranjas como o Turmeric #E720 ou os malvas como o Orquídea #E395 ajudarão a projectar a luz, ampliando o espaço.

Os tons escuros, quando usados corretamente, podem proporcionar o efeito visual que procura: numa só parede, ajudam a criar uma sensação de profundidade. Tons frios como o azul ou o verde também podem alcançar o mesmo efeito. O catálogo de Interiores está repleto de opções, divididas por gamas cromáticas, para que seja mais fácil encontrar o que procura.

Além disso, é muito importante ter em conta o tipo de luz e a orientação da nossa casa, uma vez que a percepção da cor no espaço será distinta. Não é a mesma coisa ver uma divisão iluminada por uma luz quente amarela – que realçará ainda mais as cores quentes que utilizarmos –, do que por uma luz azul mais fria.

As divisões orientadas para norte recebem menos luz solar directa, ideal para brincar com cores quentes como o Centeio #1850. As cores arrojadas devem destinar-se a divisões com mais sol, como as orientadas para sul. Se receber muita luz durante a tarde, é importante compensar esses tons quentes com tons mais frios, como azuis ou lilases.

Se nos afastarmos dos “aspectos técnicos” da nossa casa, é também muito importante olhar para o estilo que queremos que predomine, uma vez que cada estilo se destaca por algumas tonalidades específicas.

A decoração é minimalista? Nesse caso, deve-se optar por tons neutros, especialmente brancos e cinzentos, nas suas tonalidades mais frescas, como o Branco Camélia #D784. Estas cores são um grande aliado quando se trata de decoração. Se combinadas corretamente com tons pastel ou cores muito vivas e intensas, podemos ter como resultado atmosferas mais tropicais, étnicas, nórdicas ou vintage.

Os azuis e os verdes são definitivamente para os amantes da natureza. Com azuis como o Azul Mediterrânico #E249 ou o Azul Campestre #E261, conseguirá uma casa com um ambiente mediterrânico onde se pode praticamente cheirar o mar. Além disso, qualquer tonalidade da colecção Green Revelation da CIN fará com que desfrute de uma floresta na sua casa.

Se o seu estilo for mais industrial, tons quentes como amarelos e laranjas, combinados com cores mais escuras como o Charcoal #E734, são a sua melhor opção.

E então, como é a sua casa?


artigo patrocinado

Tem alguma dúvida?

Na nossa base do conhecimento poderá encontrar resposta para as questões mais frequentes.

Ver Base do Conhecimento
Deixe a Sua Mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

As minhas cores favoritas