Fachadas

Como Recuperar as Fachadas

A fachada de uma habitação tem geralmente uma grande variedade de elementos e materiais diferentes; portas, janelas, juntas, diferentes revestimentos, etc.

pintar paredes exteriores

Como Recuperar as Fachadas

As fachadas das habitações têm geralmente uma grande variedade de elementos e materiais diferentes, por exemplo: portas, janelas, juntas, diferentes revestimentos, etc., pelo que, é muito importante que todos estes elementos estejam muito bem conservados para evitarem a entrada da humidade na habitação.

Os materiais que compõem as fachadas tem comportamento diferente na presença de água; alguns são permeáveis (absorvem água), outros totalmente impermeáveis e outros são apenas permeáveis ao vapor, mas não à água.

O efeito da água nas fachadas manifesta-se principalmente através de manchas e escorrências, mas a degradação do interior da habitação é a principal consequência.

Além do desgaste natural dos materiais, as anomalias que surgem nas paredes devem-se geralmente aos seguintes fatores:

  • Movimentos da estrutura;
  • Falta de manutenção;
  • Deficiências da construção;
  • Características do revestimento existente.

PINTAR FACHADAS

A fachada de uma casa deve estar sempre em bom estado de conservação para assim poder proteger de uma forma eficaz a habitação.

Um revestimento danificado deixa de desempenhar a função de barreira aos agentes ambientais, podendo comprometer a qualidade do interior da habitação.

  • Dicas e Sugestões
  • É muito importante que as fachadas de uma habitação se mantenham em bom estado de conservação.
  • As fachadas devem ser reabilitadas sempre que comecem a apresentar algum tipo de degradação.
  • Uma mais rápida ou mais lenta degradação depende de vários factores, como a zona onde se encontra a casa e dos matérias que foram utilizados.
  • Zonas muito agrestes provocam um deterioração muito mais rápida dos materiais. É portante muito importante que os materiais sejam de grande qualidade.
  • A qualidade da tinta aplicada tem uma relação directa com o tempo que demora as superfícies a atingirem o estado de degradação.
  • A pintura de uma fachada deve ser realizada com bom tempo, se existir perspectivas de chuva não dê início à obra. Aconselhamos assim que este trabalho apenas seja realizado, dependendo um pouco da zona do país (sul/norte), em regra geral entre os meses de Maio e Setembro.
  • Não se aconselha a aplicar a tinta sobre suportes muito quentes por exposição ao sol, uma vez que devido à tinta secar muito rapidamente corre-se o risco de se formarem fissuras.
  • Também não se aconselha a aplicar a tinta quando a temperatura ambiente seja inferior a 5ºC, e quando a humidade relativa seja superior a 80%.
  • Utilize sempre tintas de grande qualidade, especialmente em exteriores. Esta é uma regra de ouro.
  • Tintas baratas, expostas a condições exteriores, sol, chuva, etc., estragar-se-ão muito rapidamente e colocar as paredes da habitação desprotegidas.
TINTA PARA FACHADAS CONFORME SITUAÇÃO
Estado da Fachada Tipo de Tinta Características
Em bom estado sem grandes deteriorações. Acrílica Dura entre 3 e 8 anos de acordo com a qualidade da tinta.
Afetada ou exposta a condições meteorológicas difíceis. 100% Acrílica Alta durabilidade, pode durar até 15 anos ou mais.
Paredes com fissuras. Elástica – Flexível Cobre fissuras até 0.3mm. Dura até 10 anos.
Paredes com humidades retidas. Polissiloxano Repintura de edifícios antigos em pedra rebocada onde possa existir humidade no interior.

Antes de se efectuar um trabalho de pintura, deve-se proceder a uma avaliação (saber mais) o mais correta possível dos problemas que possam existir nas paredes da habitação. Só na posse de um diagnóstico bem feito é que se pode decidir pelo melhor esquema de pintura a utilizar.

pintar fachadas

Para as questões relacionadas com a permeabilidade ou a manutenção do aspeto do revestimento, bastará a sua proteção ou a intervenção pontual nas zonas afetadas.

Quando o problema são fissuras, que se manifestam no revestimento mas geralmente provêm da base em reboco, deve ser avaliada a necessidade de remover o revestimento existente, tratar o problema na origem e revestir de novo.

Qualquer que seja a situação aconselha-se sempre uma abordagem integral, avaliando a fachada como um todo.

Recuperar Fachada

Como Fazer
1 Retire todas os objectos incómodos que possam existir nas paredes, como por exemplo cartazes, pregos, parafusos, etc.;
2 Lavar toda a superfície com máquina de alta pressão (40 bars), e deixe secar;
3 Proceder a todas as reparações necessárias, substitua o cimento deteriorado, vede as fendas e tape os buracos;
4 Aplique uma solução anti-fungos, caso necessário;
5 Aplique uma demão de primário, fixador, selante ou outro conforme a situação, próprio para paredes exteriores;
6 Finalmente proceder à pintura, utilizando a tinta mais indicada conforme o estado das paredes. Esta tinta deve ser sempre de grande qualidade, e deve-se seguir as instruções dadas pelo fabricante, como por exemplo; diluição, tempos de secagem, etc.

fachada cerâmica

Recuperar Fachada Revestida a Material Cerâmico

As fachadas revestidas a material cerâmico com fissuras e juntas degradadas originam infiltrações de água e humidade, por essa razão é necessário tratar deste problema o mais rápido possível. Vejamos como fazer;

Como Fazer
1 Retire todas as aderências incomodas que possam existir nas paredes, como por exemplo cartazes, pregos, parafusos, etc;
2 Lave toda a superfície com máquina de alta pressão (jato de água), com ácido clorídrico diluído em água;
3 Proceda a todas as reparações das fissuras e juntas com uma massa de reparações para exterior misturada com 10% de cimento;
4 Lixe todas as áreas reparadas para regularizar a superfície;;
5 Aplique uma demão de primário aquoso, isolante de manchas diversas e promotor de aderência para exteriores, por exemplo este;
6 Finalmente proceda à pintura, utilizando uma membrana foto-reticulável tipo esta acrílica flexível para proteção de fachadas. Esta tinta deve ser de grande qualidade e siga sempre as instruções dadas pelo fabricante, normalmente na primeira demão deve ser diluída e nas seguintes sem diluição;

Assista ao vídeo abaixo para saber um pouco mais sobre como proceder. Neste caso os materiais utilizados são da marca Sotinco mas poderá utilizar produtos semelhantes de outra marca.

dica de profissional

DICA DE PROFISSIONAL

Quando efetuar um trabalho de pintura, utilize, dentro do possível, produtos da mesma marca, e que sejam compatíveis entre si. Aconselhe-se sempre, sobre as melhores soluções e o esquema mais indicado, junto de um profissional na loja onde adquirir os materiais.

Tem alguma dúvida?

Na nossa base do conhecimento poderá encontrar resposta para as questões mais frequentes.

Ver Base do Conhecimento

Mensagens: 11

  1. antonio
    antonio
    9 Maio, 2020 às 11:20

    Bom dia, ao fazer a preparação da superficie de uma fachada exterior utilizei limpeza com água a maquina de pressão. Acontece que saltou muita tinta e ficaram ainda mais fissuras e buracos expostos. Seguindo concelho de quem percebe do assunto, indicaram-me utilizar massa altek exterior para tapar esses buracos e fissuras e depois lixar e depois aplicar primário isolante. Cheguei à fase de aplicar a tinta final sendo esta igual é igual à que estava aplicada, uma cin 100% acrilica areado fino. O meu problema é que já dei duas demãos e nota-se muito as reparações efetuadas com a massa altek exterior, e não acredito que com mais uma demão o trabalho fique bem feito. Sendo esta tinta bastante cara e o resultado não está a ser o esperado, solicito uma opinião mais eficaz e alternativa para resolver este problema. Obrigado

    Responder
    • Machado
      Machado
      18 Maio, 2020 às 12:33

      Logo após a lavagem da fachada, devia aplicar 1 de mão de uma argamassa bi-componente (resina aquosa + cimento e areia) na proporção de mistura de 1/1. Aplicar á trincha nas zonas das fendas (preenchendo-as). De seguida, aplicar 1 demão geral a rolo em toda a superfície. Passados 2-3 dias, aplicar 1 demão de Primário acrílico aquoso. Após o tempo indicado de repintura do primário, aplicar 2 demão da tinta acrílica de acabamento.
      Agora, deixe endurecer a tinta aplicada durante 1 semana e faça o que acima indico
      Atenção ao tempo de aplicabilidade da argamassa. Não pode ultrapassar os 45 minutos. Deve fazer quantidade necessária para esse tempo.

      Responder
      • Tintas e Pintura
        Tintas e Pintura • Autor •
        20 Maio, 2020 às 23:39

        Olá Machado,

        Obrigado pela sua dica, são sempre bem vindas.

        Tintas e Pintura

        Responder
      • Frederico Maia
        Frederico Maia
        25 Dezembro, 2020 às 22:08

        Boa noite, além de ter rachas na frente da minha casa, tenho também uma parede lateral exterior em muito mau estado(rachas compridas, tinta a sair e não sei terá reboco velho a sair).
        A minha dúvida é questão é em ralação ao que deverei fazer e que material usar. O pedreiro que veio ver é orçamentar aconselhou-me usar tela de alcatrão, no entanto já li que não será o melhor.
        Gostava que me aconselhassem, pois a casa situa-se em Portimão junto ao rio que no inverno se torna bastante húmida a zona.
        Obrigado

        Responder
  2. Nuno
    Nuno
    26 Abril, 2020 às 14:45

    Boa tarde.
    Tenho atrás da minha casa um muro que não apanha sol o dia todo.
    Por isso, este muro está sempre com “verdete”.
    É um muro de suporte, logo, tem terra por trás.
    que tinta/tintas devo usar para minimizar o aparecimento do verdete?

    Responder
  3. neusa
    neusa
    18 Abril, 2016 às 23:44

    Moro em uma regiao umida e muito quente por iso revesti as paredes em isopor 3mm para evitar o calor nas parede ,umidade e rachaduras.Qual tinta posso usar para pintar o isopor.

    Responder
Responder a Tintas e PinturaCancelar

O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

As minhas cores favoritas