Ajudamos a Pintar Portugal Desde 2005
Dicas

Qual a tinta mais indicada para o quarto do bebé

O bebé quando nasce necessita de um ambiente protegido de químicos tóxicos. É muito importante para a sua saúde e desenvolvimento. A maioria das tintas tradicionais tem na sua composição química produ...

Tinta,Quarto de Bebés,Qual a tinta,mais indicada
101

Quando um bebé vai nascer é habitual a família dedicar uma atenção especial ao quarto onde a criança irá passar a maioria do seu tempo. Desde a mobília, à roupa, passando pelos cortinados, brinquedos e a pintura.

Queremos dar o mais bonito, o mais confortável e o melhor ao novo elemento da família. Na ânsia de se conseguir tudo isso por vezes esquecemo-nos da segurança.

A segurança de um ambiente passa por vários vetores. Um deles, e sobre o qual poucas pessoas pensam, é o da qualidade do ar que o bebé vai respirar.

É aqui que o tipo de Tinta que utilizar para pintar as paredes ou outros objetos tem um influência muito grande.

Sabia que a maioria das tintas tradicionais tem na sua composição química produtos que podem ser extremamente perigosos para a saúde do bebé?

Existe uma ideia generalizada que após a tinta estar seca e não se sentir o cheiro já não apresenta qualquer perigo para a nossa saúde. É um mito! As paredes, após serem pintadas, continuam a libertar tóxicos durante alguns anos para o ambiente, e que podem ser nocivos para o bebé.

A generalidade das campanhas de marketing das marcas de tinta para quarto de bebé induzem em erro ao afirmarem que, pelo facto da tinta não ter cheiro, significa que esta é segura. O que não é verdade. O cheiro não significa toxicidade. Há algumas tintas compostas por matérias-primas vegetais que libertam um odor típico de um produto natural e são inofensivas para a saúde.

A tinta para quarto de bebé à base de água, por si só, não significa que não é perigosa para a saúde do bebé e da família. Embora a Diluição da tinta seja com água, esta pode conter muitos elementos na sua composição perigosos à saúde.

Outro tema importante é o valor dos  COV (compostos orgânicos voláteis). É importante que as tintas tenham o mais baixo valor de COV. No entanto, na sua composição de base tem matérias-primas não voláteis perigosas que mais tarde ou mais cedo vão poluir o ambiente interno doméstico, contribuindo para o aparecimento de alergias respiratórias (asma), alergias de Pele, fadiga, tonturas, entre outras.

Quando escolher uma tinta, principalmente para o quarto do bebé, opte por tintas ecológicas naturais que não contenha elementos perigosos que possam afetar a saúde do seu bebé. Cuidado com os termos “verde”, “amigo das crianças”, “COV baixo”, “sem cheiro”, “tinta ecológica”, por vezes não passam de slogan. Informe-se muito bem antes de comprar a tinta.

A qualidade do ar interior também deve ser tida em conta pela grávida e restante família. Se está grávida evite estar em locais recentemente pintados com tintas convencionais.

Existem tintas ecológicas naturais no mercado ideais para ambientes onde se pretenda estar seguro, fáceis de aplicar, de qualidade e boa Cobertura, com grande variedade de cores.

Se a sua saúde e a da sua família são a sua prioridade, escolha tintas ecológicas naturais. Nunca utilize tintas de base Solvente, quer sejam para paredes, esmaltes ou vernizes. A saúde do seu bebé, a sua, e da sua família vai estar muito mais protegida.
Tinta,Quarto de Bebés,Qual a tinta,mais indicada

Este artigo foi importante para si?

Leia Também

A Sua Mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

ADVERTISEMENT